Revista Manutenção

Schmersal Ibérica: novas células óticas de deteção de segurança para a indústria alimentar
Sem categoria

Schmersal Ibérica: novas células óticas de deteção de segurança para a indústria alimentar

O Grupo Schmersal desenvolveu uma nova série de cortinas óticas e barreiras fotoelétricas…

Schmersal Ibérica, S.L.
Tel.: +351 308 800 933
info-pt@schmersal.com · www.schmersal.pt

O Grupo Schmersal desenvolveu uma nova série de cortinas óticas e barreiras fotoelétricas de segurança, especialmente adequadas para o uso em áreas sensíveis à higiene, como a indústria alimentar, a indústria farmacêutica ou o processamento de carne e leite. A nova série SLC/ SLG 440 IP69K é resistente às operações diárias de limpeza, habituais nestas áreas. Devido ao seu sofisticado desenho construtivo, esta série atinge a classe de proteção IP 69K (proteção contra a entrada de água durante a limpeza a alta pressão ou a jato de vapor). Para isso, as vedações deste dispositivo de proteção sem contacto (BWS) atendem a requisitos muito altos e suportam a limpeza frequente com água, soluções alcalinas, espuma, vapor superaquecido ou alta pressão. A nova série BWS foi projetada também segundo os princípios do “Hygienic Design” (Design Higiénico).

As capas de fecho do SLC/SLG 440 IP69K são fabricadas em aço inoxidável (V4A), bem como a entrada dos cabos e os elementos de fixação. Os tubos de proteção transparente são de policarbonato (PC), que não possui apenas uma elevada resistência a agentes de limpeza, mas suporta também fortes cargas mecânicas. Se, por exemplo, na produção de alimentos durante a limpeza a alta pressão, ocorrer um impacto acidental das pontas dos pulverizadores de limpeza na estrutura do SLC/SLG 440 IP69K ou mesmo uma colisão com um elemento de transporte, a função de segurança e proteção mantém-se graças aos robustos tubos de proteção.

Com isso, o material garante uma maior disponibilidade e uma vida útil longa das cortinas óticas e das células de deteção de segurança e permite, além disso, um design compacto dos sensores de segurança encapsulados. O diâmetro do tubo de proteção é de apenas 50 mm. A resistência do material destes componentes também foi confirmada pelo laboratório de ensaios independente Ecolab. Outras caraterísticas desta série BWS incluem funções adicionais, como por exemplo é uma função de duplo rearme, controlo de contactores (EDM) e a função blanking integrada, que permite a introdução de peças móveis através do campo de proteção sem acionar o sinal de paragem. Outra função prática é a indicação de sujidade. Se o sinal de receção do sensor se tornar fraco é emitida uma mensagem de aviso ótica. O utilizador pode, então, intervir antes que ocorrem as paragens não planeadas do sistema.

Translate »