igus 8

Novo material de sinterização a laser da igus

Há inúmeras aplicações para o novo iglidur I10 e não há dúvida de que este será cada vez mais utilizado na indústria da galvanoplastia. Os componentes impressos em 3D que se encontram em banhos eletrolíticos, em processos de revestimento, devem ser resistentes aos ácidos, caso contrário existe um risco de aparecimento de defeitos e possíveis falhas.

O novo material para sinterização a laser iglidur I10 não é apenas resistente aos ácidos, bases, álcool, massas lubrificantes e óleos. Também se carateriza pela baixa absorção de humidade e elevada resistência e ductilidade – o que indica a propriedade de um material se deformar, permanentemente, mediante uma carga de corte antes de se partir. O iglidur I10 é, portanto, um material ideal para componentes funcionais e de baixo peso, com propriedades elásticas.

Há inúmeras aplicações para o novo iglidur I10 e não há dúvida de que este será cada vez mais utilizado na indústria da galvanoplastia. Os componentes impressos em 3D que se encontram em banhos eletrolíticos, em processos de revestimento, devem ser resistentes aos ácidos, caso contrário existe um risco de aparecimento de defeitos e possíveis falhas.

O novo material de impressão encontra-se disponível no serviço interno de impressão 3D da igus. Os clientes podem carregar um ficheiro STEP, com o modelo 3D da peça desejada, e selecionar a quantidade e o material de impressão. A igus irá então produzir as peças isentas de lubrificação e manutenção, utilizando a sinterização seletiva a laser. Um laser funde camadas finas do material numa plataforma de construção, que desce camada a camada. Passo a passo, a peça é criada. O cliente pode receber o componente impresso em 3D cinco dias após a igus receber a encomenda.

igus®, Lda.
Tel.: +351 226 109 000
[email protected] · www.igus.pt
pt.linkedin.com/company/igus-portugal
www.facebook.com/IgusPortugal

Translate »