Condições de testes da Pilz para comboios

Condições de testes para comboios novos

A Pilz é responsável pelo desenvolvimento e extensão do conceito de segurança para os comboios que o grupo canadiano Bombardier está a contruir em Bruges.

Os comboios que o grupo canadiano Bombardier está a contruir em Bruges devem passar uma série de testes funcionais e elétricos antes de serem aprovados para circular na rede ferroviária internacional. Bombardier testa em caixas de alta voltagem, mais precisamente 1000 Volts, com mais de 5000 pontos de ligação por cada comboio. A Pilz é responsável pelo desenvolvimento e extensão do conceito de segurança necessário para este processo, sendo os cálculos, a programação, a validação de segurança e o desenvolvimento do conceito de segurança a seu cargo. O resultado é o sistema de testes seguro, sem erros e fiável.

O objetivo deste projeto é assegurar que o desenvolvimento técnico das caixas de teste vá na direção certa. Somos especializados na implementação dos aspetos mecânicos e elétricos do sistema, mas quando se trata de segurança, confiamos nos especialistas da Pilz”, diz Hans Soulliaert, da SPIE, empresa responsável pela implementação das partes mecânicas e eletrónicas da instalação.

O sistema de automatização PSS4000 da Pilz controla todas as entradas e saídas seguras. O clássico E-Stop e o interruptor de segurança codificado PSENcode são adicionados à tarefa de segurança. Este último controla as portas das caixas utilizadas nos testes, para controlar aberturas não autorizadas. Assim que uma paragem de emergência é acionada, é desconectada a alimentação elétrica. Os programas de aplicação instalados no sistema de automatização PSS4000 podem ser facilmente ampliados com objetos adicionais, o que significa que o volume de programação é muito menor. Devido aos sistemas automatizados integrados, os operadores podem realizar um diagnóstico rápido destas funções de segurança no armário de controlo. Isto resulta numa sequência de testes funcionais eficientes e curtos tempos de paragem do sistema. Em suma, o gestor da operação pode parar manualmente os processos a fim de efetuar verificações e evitar situações inseguras.

Pilz Industrieelektronik, S.L.
Tel.: +351 229 407 594
[email protected] · www.pilz.pt

Translate »