ultrassons

Monitorização de rolamentos de baixa rotação através de ultrassons

Os profissionais de manutenção e fiabilidade devem garantir que os ativos pelos quais são responsáveis estejam a funcionar…

Os profissionais de manutenção e fiabilidade devem garantir que os ativos pelos quais são responsáveis estejam a funcionar corretamente e como esperado. Espera-se que estes profissionais avancem cada vez mais para uma manutenção preditiva, em vez de uma manutenção reativa, quando uma máquina falha. Ficou já provado que quando as fábricas e instalações têm um programa robusto de manutenção proativa, essa instalação irá funcionar com mais segurança, com menos tempo de inatividade e com uma melhor qualidade de produto.

Os profissionais de manutenção e fiabilidade têm várias ferramentas para monitorizar os seus ativos de uma forma regular. Da mesma forma que um médico pode utilizar um estetoscópio para ouvir os batimentos cardíacos de um paciente ou um termómetro para medir a temperatura, os profissionais de manutenção e fiabilidade usam as suas ferramentas de monitorização de condição para avaliar a saúde de um ativo.

Como funciona a tecnologia de ultrassons?

Todo o equipamento em funcionamento, grande parte das fugas de ar ou gás e todas as descargas elétricas produzem uma ampla gama de sons de alta frequência. Os aparelhos de ultrassons são capazes de detetar e captar estes ultrassons. Os sons de alta frequência estão acima do alcance da audição humana. Geralmente, as ondas sonoras sentidas por humanos estão entre os 20 Hz e os 20 kHz, com um limiar médio de audição humana normal em torno dos 16,5 kHz. Se um profissional de manutenção utilizar um instrumento de ultrassom com uma capacidade de sintonização de frequência, a frequência mais baixa que pode ser ajustada é de 20 kHz. Se o instrumento que for utilizado tiver uma frequência fixa, esta é geralmente centrada em torno dos 38 kHz. Como resultado, o instrumento ultrassónico consegue ouvir sons que estão para além do alcance da normal audição humana.

UE Systems Europe

Para ler o artigo completo faça o download gratuito da “Manutenção” nº140. Verifique o seu email após o download. Pode também solicitar apenas este artigo através do emaila.pereira@cie-comunicacao.pt

      Selecione as sua(s) área(s) de interesse

      Utilize a tecla Ctrl para selecionar mais que uma opção

    Translate »