Manutenção elétrica

Manutenção elétrica e eletrónica

A Manutenção de um Ativo, qualquer que ele seja, deve ser feita tendo em atenção o respeito por…

A Manutenção de um Ativo, qualquer que ele seja, deve ser feita tendo em atenção o respeito por determinados procedimentos, para que o mesmo (ativo) possa executar as tarefas para quais foram concebidos, ao menor custo.

Neste número o Dossier Técnico chama a atenção dos colegas para a manutenção preventiva da área elétrica e eletrónica (dos ativos).

O texto de abertura do Dossier Técnico da revista nº113 (Manutenção de Instalações Elétricas) recorda o facto de que “…a energia elétrica não se vê, mas sente-se, e dependendo do grau de atividade/intervenção da manutenção, essa sensação poderá ser letal…”. Voltamos a chamar a atenção para este “pormenor“.

As soluções a serem utilizadas na manutenção irão depender dos vários tipos de ativos existentes e da grande variedade de ramos das empresas detentoras dos respetivos ativos, com as diferentes exigências de atuação.

Para que as empresas tenham sucesso deverão ser elaborados e implementados procedimentos claros de intervenção de manutenção preventiva, condicionada e preditiva, com determinação precisa dos custos envolvidos (com a manutenção, com a paragem da produção e a consequente perda de faturação/oportunidade) – deverão ser reduzidos ao mínimo.

A manutenção das áreas elétrica e eletrónica implica inspeções periódicas e também o registo histórico das intervenções (sempre atualizados).

Como exemplo poderemos descrever algumas atividades que deverão ser previstas aquando da elaboração de um plano geral – as frequências serão determinadas pelo grau de importância do ativo em questão:

  • Limpezas periódicas;
  • Verificação da existência de ventilação;
  • Determinação de vibrações, de ruídos e de temperaturas elevadas nos motores;
  • Verificação dos apertos e dos binários dos sistemas de fixação;
  • Verificação da existência da linha de terra (de proteção) enterrada;
  • Medição dos valores da linha de terra;
  • Verificação da instalação elétrica e iluminação de áreas húmidas (balneários, piscinas, ETARs, entre outros);
  • Verificação do grau de isolamento dos cabos e fios;
  • Utilização da Termografia (uma grande ajuda para os trabalhos de manutenção);
  • Verificação do funcionamento do Sistema de Proteção Contra Descargas Atmosféricas (Pára-raios);
  • E muitas outras atividades.

Para que tudo seja possível, é importante dar formação às esquinas de manutenção para a realização das diversas rotinas. Um ponto em que deveremos ter muita atenção é o que diz respeito às intervenções – deverão ser realizadas após verificação de ações de segurança, tais como:

  • Sinalização e delimitação das áreas e equipamentos a serem intervencionados;
  • Utilização de ferramentas e equipamentos próprios para cada intervenção;
  • Certificar-se que o ativo a ser intervencionado está sem qualquer tipo de energia;
  • E muitas outras ações.

Aconselhamos uma leitura mais pormenorizada dos artigos seguintes para um melhor conhecimento sobre este importante aspeto da Gestão da Manutenção.

Raúl Dória

O dossier “Manutenção elétrica e eletrónica” é composto pelos seguintes artigos:

  • Interruptores diferenciais – Perguntas mais frequentes
  • Backgrounder – Medição de potência e energia

Para ler o dossier completo faça o download gratuito da revista “Manutenção” nº123. Verifique o seu email após o download. Pode também solicitar apenas este dossier através do emaila.pereira@cie-comunicacao.pt

artigo

      Selecione as sua(s) área(s) de interesse

      Utilize a tecla Ctrl para selecionar mais que uma opção

    Outros artigos relacionados

    Translate »