cartas

Contribuição para o entendimento da elaboração das cartas de desempenho das filosofias de gestão seis sigma (parte 2)

Na 1.ª parte deste trabalho, publicada no número anterior deste prestigiada revista, descreve-se de uma forma detalhada…

Na 1.ª parte deste trabalho, publicada no número anterior deste prestigiada revista, descreve-se de uma forma detalhada a metodologia de obtenção das cartas de desempenho Seis Sigma (Six Sigma Scorecards) para a filosofia de gestão Six Sigma Business Scorecard, com aplicação às grandes e médias empresas. Como complemento, nesta 2.ª parte apresentam-se os resultados desta filosofia relativos às 30 organizações norte-americanas indexadas ao Dow Jones Index, assim como a sua aplicação prática a pequenas empresas.

Exemplo das empresa Dow Jones

Nos Estados Unidos, o Dow Jones Industrial Average, designado apenas por Dow, é um índice de desempenho de negócios bem conhecido, que é influenciado pelo desempenho das organizações listadas assim como pela percepção dos seus accionistas.

Na prática, este índice representa o desempenho de uma amostra de grandes grupos empresariais, representativos da economia e do mercado bolsista norte-americano [1]. No Quadro 1 indicam-se as 30 organizações listadas no Dow Jones Index, designado comummente por Dow 30, sendo representativas de 10 sectores de actividade económica, incluindo a indústria, tecnologia, telecomunicações, finanças, retalho, e cuidados de saúde. Em termos operacionais, 18 são grupos industriais, 5 são de distribuição, 3 de serviços, 3 de finanças, e 1 de software.

C. Pereira Cabrita
Departamento de Engenharia Electromecânica
Faculdade de Engenharia
Universidade da Beira Interior (UBI)

Para ler o artigo completo faça a subscrição da revista e obtenha gratuitamente o link de download da revista “Manutenção” nº105. Pode também solicitar apenas este artigo através do email[email protected]

Outros artigos relacionados

Translate »